De acordo com a informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê-se, de 05 a 07 de janeiro, tempo frio e vento, salientando-se:

  • Descida da temperatura mínima em todo o território do Continente, hoje (05JAN) e amanhã (06JAN), com valores entre – 4ºC e 8ºC e temperatura máxima que varia entre 5ºC e 17ºC;
  • Para o Concelho de Belmonte, as temperaturas minímas irão variar entre os -2ºC e -3ºC e as temperaturas máximas entre os 7ºC e os 8ºC;
  • Vento de quadrante Leste (6 de janeiro), soprando mais intenso nas terras altas (até 45 km/h), a partir da madrugada;
  • Possibilidade de formação de neblina ou nevoeiro;
  • Possibilidade de chuva com congelação;
  • Formação de gelo e geada;
  • Possibilidade de neve nas terras altas (700/900 m), principalmente a sul do território, mais provável em S. Mamede. (06 e 07 de janeiro);
  • Desconforto térmico elevado, devido à descida da temperatura mínima e aumento da intensidade do vento.

Face a este quadro meteorológico, poderão ocorrer os seguintes efeitos:

  • Intoxicações por inalação de gases, devido a inadequada ventilação, em habitações onde se utilizem aquecimentos com lareiras e braseiras;
  • Incêndios em habitações, resultantes da má utilização de lareiras e braseiras ou de avarias em circuitos elétricos;
  • Eventual formação de gelo em troços de estradas com ensombramento permanente;
  • Aumento do risco associado ao trafego rodoviário, quer pela queda de neve nas vias, quer pela formação de gelo;
  • Necessária especial atenção aos grupos populacionais mais vulneráveis, crianças, idosos e pessoas portadoras de patologias crónicas e população sem-abrigo.

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:

A nível da proteção individual:

  • Que se evite a exposição prolongada ao frio e às mudanças bruscas de temperatura;
  • Manter o corpo quente, através do uso de várias camadas de roupa, folgada e adaptada à temperatura ambiente;
  • A proteção das extremidades do corpo (usando luvas, gorro, meias quentes e cachecol) e calçado quente e antiderrapante;
  • A ingestão de sopas e bebidas quentes, evitando o álcool que proporciona uma falsa sensação de calor;
  • Especial atenção com a proteção em termos de vestuário por parte de trabalhadores que exerçam a sua atividade no exterior, e evitar esforços excessivos resultantes dessa atividade;
  • Acautelar a prática de atividade física no exterior, prestando atenção às condições do piso para evitar quedas;
  • Prestar atenção aos grupos mais vulneráveis (crianças nos primeiros anos de vida, doentes crónicos, pessoas idosas ou em condição de maior isolamento, trabalhadores que exerçam atividade no exterior e pessoas sem abrigo).

A nível da proteção coletiva:

  • Especial atenção aos aquecimentos com combustão (ex.: braseiras e lareiras), que podem causar intoxicação devido à acumulação de monóxido de carbono e levar à morte;
  • Que se assegure uma adequada ventilação das habitações, quando não for possível evitar o uso de braseiras ou lareiras;
  • Que se evite o uso de dispositivos de aquecimento durante o sono, desligando sempre quaisquer aparelhos antes de se deitar;
  • Que se tenha em atenção a condução em locais onde se forme gelo na estrada, adotando uma condução defensiva;
  • Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Vimos informar que se encontra prevista a realização de ensaios de estanqueidade em alguns reservatórios no Município de Belmonte, o que irá implicar a interrupção do abastecimento de água às populações servidas pelos mesmos, nas datas e durante os períodos indicados, nomeadamente:

  • Reservatório de Inguias – dia 04 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório Elevado Caria – dia 06 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório Estação de Belmonte – dia 08 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório de Maçainhas A  – dia 11 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório Câmara de Belmonte – dia 13 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório de Maçainhas B – dia 14 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório de Malpique – dia 15 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h;
  • Reservatório de Monte do Bispo – dia 18 de janeiro de 2021, das 13:30h às 17:30h.

Desde já, pedimos desculpa pelo incómodo causado, pelo que prometemos ser breves no sentido de minimizar os transtornos causados.

Caras e caros Munícipes 

Torno público que, no seguimento da reunião ordinária da Câmara Municipal de Belmonte, realizada em 12 de novembro de 2020, foi deliberado, por unanimidade, proceder ao encerramento dos Serviços Municipais da Rua Pedro Alvares Cabral, em Belmonte, em virtude de se ter verificado um foco de COVID19, entre funcionários municipais

O encerramento em causa iniciase hoje, a partir do período da tarde e os Serviços serão reabertos a partir das 9 horas de segundafeira, dia 16 de novembro

O atendimento digital mantémse ativo, através dos endereços de email, tornados públicos e o atendimento telefónico deverá ser feito para o telefone 275 082 260

Aproveito a oportunidade para apelar, mais uma vez, a todos aqueles que foram notificados para estarem em confinamento e/ou isolamento, que cumpram rigorosamente as regras sanitárias, que lhes foram transmitidas pelas autoridades de saúde. assim, poderemos interromper as cadeias de contágio e ultrapassar esta fase difícil

Apelo ainda, a todos os Munícipes para cumprirem as regras do Estado de Emergência, decretado pelo Senhor Presidente da República, Assembleia da República e pelo Governo, bem como o cumprimento das regras básicas sanitárias, atra obrigatório da máscara, do distanciamento social e da etiqueta respiratória

Contem connosco. Nós contamos com todos

Belmonte e Paços do Concelho, 12 de novembro de 2020 

O Presidente da Câmara Municipal de Belmonte
António Pinto Dias Rocha

(Consulte AQUI o Comunicado em formato digital)

Informa-se a população que a partir do dia 12 de Novembro 2020, iniciar-se-á o processo de colocação em tensão elétrica da catenária do troço entre o Apeadeiro de Caria à Estação da Covilhã.

A Infraestruturas de Portugal, SA alerta para os perigos decorrentes dos fenómenos elétricos associados, e que resultam da:

– tensão elétrica utilizada (25.000 Volt)
– existência de corrente elétrica nos carris
– indução eletromagnética e influência elétrica

Qualquer contacto acidental, ou aproximação do equipamento aéreo, mesmo por intermédio de jato de água, apresenta riscos de eletrocussão.

Qualquer cabo caído no solo deve ser sempre considerado em tensão.

Em caso de acidente, ou para a prestação de informações, contactar o CCO – Centro de Comando Operacional de Lisboa, através do telefone 800 123 023.

O Governo decidiu renovar o estado de calamidade em todo o território nacional até às 23h59 do dia 15 de novembro de 2020 e alargar a outros concelhos medidas especiais. O Concelho de Belmonte faz parte da listagem de concelhos com risco elevado de transmissão da Covid-19. Conheça as medidas.

Estas medidas excecionais entram em vigor a 4 de novembro.

Por si e pelos outros, cumpra!

➡️ Nota: Não dispensa a consulta integral das medidas em novas medidas para combater a pandemia.

Atendendo às restrições que constam na Resolução de Ministros, n.° 89-A/2020, que condiciona a circulação de pessoas entre concelhos, informamos que os Museus dos Concelho de Belmonte vão estar encerrados nos dias 31 de outubro e 1 de novembro.

Agradecendo a compreensão de todos os visitantes, esperando que este momento menos bom passe o mais rápido possível.

A Câmara Municipal de Belmonte e a Junta de Freguesia de Caria, informam que a Feira Anual de Caria de 1 de novembro, será cancelada.
A decisão foi tomada na reunião que decorreu no inicio desta semana com a Delegada de Saúde da Cova da Beira, Drª Henriqueta Fortes, o Dr. Nuno Maia (por vídeo conferência), Diretor do Instituto de Segurança Social de Castelo Branco os responsáveis pelos Lares existentes no nosso Município e os Senhores Presidentes da União de Freguesias de Belmonte e Colmeal da Torre e da Junta de Freguesia de Caria e a Comissão Municipal de Proteção Civil.

Esta decisão prende-se com a situação face à pandemia COVID-19, visando defender a saúde pública e evitando condições de disseminação do contágio.

(Consulte AQUI o Comunicado em formato digital)

Em resultado da situação epidemiológica que atualmente se vive em Portugal devido à pandemia da doença Covid-19, têm vindo a ser tomadas diversas medidas com o fim de prevenção, contenção e mitigação da transmissão da infeção.

A organização do trabalho e horário de funcionamento dos serviços municipais, constam no despacho que pode ser lido na integra em Despacho – Recursos Humanos.

Em resultado da situação epidemiológica que atualmente se vive em Portugal devido à pandemia da doença Covid-19, têm vindo a ser tomadas diversas medidas com o fim de prevenção, contenção e mitigação da transmissão da infeção.

Para os efeitos do referido no nº 3 do artigo 10° do anexo à Resolução do Conselho de Ministros n.º 70-A/2020, de 11/09/2020, e obtidos os respetivos pareceres favoráveis, foi determinado por Despacho de 15 de setembro de 2020 que o encerramento dos estabelecimentos no território deste Município, seja às 23:00h.

Esclarecemos que, o encerramento dos estabelecimentos, às 23:00h determinado no despacho de 15 de setembro não se aplica aos estabelecimentos que constam no despacho que pode ser lido na integra em Despacho de Aclaração – Encerramento dos Estabelecimentos.

 

Devido à pandemia que o mundo e o nosso país atravessa, foram tomadas algumas medidas a adotar uma vez que o risco da modalidade e a responsabilidade inerente às federações varia entre modalidades desportivas.

Pretende-se definir orientações específicas que permitam um regresso aos treinos e competições em segurança, minimizando o risco de transmissão do SARS-CoV-2.

Além disso, por forma a garantir o cumprimento destas orientações para a proteção da Saúde Pública, são, no atual momento epidemiológico, apenas consideradas, a retoma da atividade desportiva enquadrada por federações desportivas com estatuto de utilidade pública desportiva, nos termos do Decreto-Lei n.º 248-B/2008 de 31 de dezembro, na sua redação atual.

Consulte as orientações dadas pela DGS, Governo de Portugal e Serviço Nacional de Saúde AQUI.

 

No contexto da atual situação epidemiológica provocada pelo SARS-CoV-2, dando continuidade ao processo de desconfinamento iniciado em 30 de abril de 2020 e considerando a publicação da Resolução do Conselho de Ministros n.º 55-A/2020, a Administração Regional de Saúde do Centro emitiu orientações para o funcionamento das Unidades de Saúde.
Para dar cumprimento às referidas orientações, foram elaboradas, no Centro de Saúde de Belmonte algumas regras de funcionamento importantes.

O Plano Municipal de Emergência para o Concelho de Belmonte, é um instrumento que os Serviços Municipais dispõem para o desencadeamento das operações de proteção civil, com vista a possibilitar uma unidade de direção e controlo, para a coordenação das ações a desenvolver e gestão de meios e recursos mobilizáveis, face a um acidente grave, catástrofe ou calamidade, tendo em vista prevenir, planear e coordenar as ações de socorro, os prejuízos e perdas de vidas e bens e o restabelecimento da normalidade.

Consulte os Planos Municipais de Emergência de Proteção Civil de Belmonte