De acordo com a informação disponibilizada pelo IPMA para as próximas 48 horas, mantém-se a previsão de tempo frio e seco, salientando-se:

  • Descida da temperatura mínima em todo o território do Continente, sexta-feira, com valores entre -4ºC e 6ºC. A temperatura máxima vai variar entre 4ºC e 18ºC.
  • Vento de quadrante Leste, soprando mais intenso nas terras altas (até 50km/h), em especial durante a noite e manhã, por vezes com rajadas até 70 km/h, na região do Norte e Centro.
  • Formação de neblina ou nevoeiro (em especial na bacia hidrográfica do Rio Douro).
  • Acentuado arrefecimento noturno e formação de geada.
  • Desconforto térmico elevado até à madrugada de sábado, devido à descida da temperatura mínima e do vento intenso.
  • Para o concelho de Belmonte, para sexta-feira, sábado e domingo, esperam-se temperaturas mínimas entre os -1 e 2º e máximas entre os 8 e 10º.

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:

  • Intoxicações por inalação de gases, devido a inadequada ventilação, em habitações onde se utilizem aquecimentos com lareiras e braseiras;
  • Incêndios em habitações, resultantes da má utilização de lareiras e braseiras ou de avarias em circuitos elétricos;
  • Eventual formação de gelo em troços de estradas com ensombramento permanente;
  • Necessária especial atenção aos grupos populacionais mais vulneráveis, crianças, idosos e pessoas portadoras de patologias crónicas e população sem-abrigo.

O eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados.

A nível da proteção individual:

  • Que se evite a exposição prolongada ao frio e às mudanças bruscas de temperatura;
  • Manter o corpo quente, através do uso de várias camadas de roupa, folgada e adaptada à temperatura ambiente;
  • A proteção das extremidades do corpo (usando luvas, gorro, meias quentes e cachecol) e calçado quente e antiderrapante;
  • A ingestão de sopas e bebidas quentes, evitando o álcool que proporciona uma falsa sensação de calor;
  • Especial atenção com a proteção em termos de vestuário por parte de trabalhadores que exerçam a sua atividade no exterior, e evitar esforços excessivos resultantes dessa atividade;
  • Acautelar a prática de atividade física no exterior, prestando atenção às condições do piso para evitar quedas;
  • Prestar atenção aos grupos mais vulneráveis (crianças nos primeiros anos de vida, doentes crónicos, pessoas idosas ou em condição de maior isolamento, trabalhadores que exerçam atividade no exterior e pessoas sem abrigo);
  • Seguir as recomendações do médico assistente, garantido a toma adequada da medicação para doenças crónicas;

A nível a proteção coletiva:

  • Especial atenção aos aquecimentos com combustão (ex.: braseiras e lareiras), que podem causar intoxicação devido à acumulação de monóxido de carbono e levar à morte;
  • Que se assegure uma adequada ventilação das habitações, quando não for possível evitar o uso de braseiras ou lareiras;
  • Que se evite o uso de dispositivos de aquecimento durante o sono, desligando sempre quaisquer aparelhos antes de se deitar;
  • Que se tenha em atenção a condução em locais onde se forme gelo na estrada, adotando uma condução defensiva;
  • Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

Mantenha-se informado, hidratado e quente! Se ficar doente, não corra para as urgências, Ligue SNS 24 (808 24 24 24).

fonte: ProCiv

Devido a uma intervenção no ponto de entrega (Reservatório Santo Antão I), será necessário proceder à interrupção do abastecimento de água a partir do reservatório Santo Antão – Belmonte, no período compreendido entre as 9h00 e as 12h00, no próximo dia 07/01/2019 – Segunda-Feira.

Solicitamos a vossa compreensão.

Devido a uma intervenção de manutenção e melhoria na ETA do Sabugal, será necessário proceder à paragem da instalação no período compreendido entre as 08H00 e as 23H00 do dia de hoje (28 de dezembro de 2018).

Face às reservas disponíveis, perspetiva-se a continuidade do abastecimento de água, podendo eventualmente verificar-se constrangimentos em algumas zonas, pelo que solicitamos que sejam evitados consumos associados a usos não essenciais.

Solicitamos a vossa compreensão.

A Banda Filarmónica de Caria apresenta Concerto de Natal, no dia 30 de Dezembro, pelas 16:30 na Igreja Matriz de Caria.

Colaboração especial do Grupo de Cantares Toca da Moura.

Encontram-se abertas as inscrições para a campanha 2018/19 no Lagar de Azeite de Maçaínhas.

Inscrições : 
Junta de Freguesia de Maçaínhas
Telefones: 275 912 922
Telemóvel: 965 003 244

Transporte gratuito para a recolha de azeitona dentro da freguesia e fora da freguesia, a partir de 1.000 kgs.

De acordo com informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a partir do fim da tarde de sexta-feira, dia 26, prevê-se uma mudança significativa do estado do tempo no território de Portugal Continental que deverá ficar sob a influência de uma massa de ar muito fria transportada por um forte fluxo de norte, na circulação de um intenso anticiclone localizado a norte dos Açores. As baixas temperaturas associadas ao vento forte, deverão originar desconforto térmico.

Assim, e face à previsível queda acentuada das temperaturas para os próximos dias, alertamos para os principais problemas de saúde relacionados com o frio.

Quando as temperaturas estão muito baixas é importante que se mantenha quente e seguro(a). Crianças e idosos são grupos particularmente vulneráveis, mas qualquer um pode ser afetado.

A exposição a baixas temperaturas, no interior e no exterior, podem causar riscos sérios ou letais para a saúde. Permanecer em casa pode ser uma medida adequada a várias situações, mas também aqui poderá encontrar perigos vários que importa conhecer: muitas casas estarão frias devido à falta de energia ou pelo sistema de aquecimento não ser adequado à temperatura. Quando somos forçados a utilizar aquecedores e lareiras, aumenta o risco de incêndio bem como o de intoxicação por monóxido de carbono.

Esteja atento aos conselhos da Direção-Geral da Saúde, Autoridade Nacional de Proteção Civil e IPMA.

fonte: Bombeiros Voluntários de Belmonte

Aviso

Devido à realização do III Rali de Belmonte – Regularidade Sport, haverá condicionamento/corte de trânsito dia 5 de Outubro com início na Rua da Fontinha via Rua Gago Coutinho e Sacadura Cabral e em toda a Rua dos Bombeiros Voluntários/ Estrada da Praia Fluvial/ Rua do Lagar e Avenida Dr. Mário Soares. O condicionamento/corte de trânsito, terá início pelas 10:00h e terminará às 18:00h. 

Haverá sinalização adequada para a devida circulação que deverá acontecer pela Rua Pedro Álvares Cabral. 

Nas zonas condicionadas pela prova só será permitida a circulação de veículos de emergência, concorrentes, carros de assistência e organização. 

Pedindo desde já desculpa pelo incómodo, a Câmara Municipal de Belmonte solicita a melhor compreensão a todos os automobilistas, moradores bem como a toda a população.

Face às previsões meteorológicas para os próximos dias, os distritos de Aveiro, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Portalegre, Porto, Santarém, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu, foram colocados sobre Estado de Alerta Especial – Nível Vermelho, no período compreendido entre as 18h00 do dia 01 de outubro e as 23h59 do dia 03 de outubro.

Com base na Lei de Bases de Proteção Civil, deverão ser implementas as seguintes medidas de caráter excecional:

– Elevação do grau de prontidão e resposta operacional por parte da GNR e da PSP, com reforço de meios para operações de vigilância, fiscalização, patrulhamentos dissuasores de comportamentos e de apoio geral às operações de proteção e socorro que possam vir a ser desencadeadas, considerando-se para o efeito autorizada a interrupção da licença de férias e/ou suspensão de folgas e períodos de descanso;

– Aumento do grau de prontidão e mobilização de equipas de emergência médica, saúde pública e apoio psicossocial, pelas entidades competentes das áreas da saúde e da segurança social;

– Mobilização em permanência das equipas de Sapadores Florestais;

– Mobilização em permanência do Corpo Nacional de Agentes Florestais e dos Vigilantes da Natureza que integram o dispositivo de prevenção e combate a incêndios;

– Aumento do nível de prontidão das equipas de resposta das entidades com especial dever de cooperação nas áreas das comunicações (operadoras de redes fixas e móveis) e energia (transporte e distribuição);

– Proibição do acesso, circulação e permanência no interior dos espaços florestais, previamente definidos nos Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI), bem como nos caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessem;

– Proibição total da utilização de fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão, bem como a suspensão das autorizações que possam ter sido emitidas, enquanto vigorar a Situação de Alerta;

– Dispensa do serviço público dos trabalhadores da Administração Pública que desempenhem cumulativamente as funções de bombeiro voluntário;

– Dispensa dos trabalhadores do setor privado que desempenhem cumulativamente as funções de bombeiro voluntário, nos distritos para os quais tenha sido Declarado o Estado de Alerta Especial de Nível Vermelho pela ANPC;

– Recurso aos meios disponíveis previstos no Plano Nacional e nos Planos Distritais de Emergência de Proteção Civil.

Recorde-se que, face às previsões meteorológicas para a primeira quinzena de outubro – com temperaturas superiores à média para esta época do ano e baixa probabilidade de ocorrência de precipitação – o Governo prorrogou até 15 de outubro o período crítico no âmbito do Sistema Nacional de Defesa da Floresta Contra Incêndios. O Ministério da Administração Interna determinou à Autoridade Nacional de Proteção Civil o prolongamento do Nível de Empenhamento Operacional (Reforçado) Nível IV até ao próximo dia 15 de outubro.

fonte: Bombeiros Voluntários de Belmonte

Decorre hoje o espetáculo “Fragmentos Sonoros” junto ao Castelo de Belmonte, que reúne em palco músicos de diferentes localidades (Fundão, Covilhã, Guarda, Sabugal e Belmonte).

Devido à realização deste espetáculo, haverá corte de trânsito no acesso ao Castelo, pelo facto, pedimos a melhor compreensão de todos.

O Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alerta para o perigo de incêndio rural em vários distritos.

Vento do quadrante Oeste, soprando moderado a forte (até 40 Km/h), com rajadas que podem atingir 60 Km/h na faixa costeira ocidental e terras altas (em especial serras da Lousã, S. Mamede e Monchique, durante a tarde e início da noite) e temporariamente de sudoeste na costa sul do Algarve. Diminuição da intensidade do vento no litoral a partir de domingo (22 julho).

A temperatura máxima a variar entre 30 e 35ºC no interior e entre 24 e 26ºC no litoral, prevendo-se uma ligeira subida em especial no sábado e na segunda-feira (21 e 23 julho).

Humidade Relativa do Ar (HRA) entre 20 e 30% nas regiões do interior e do Algarve, com franca recuperação noturna na generalidade do território.

Em função da previsão das condições meteorológicas é expectável tempo quente e vento moderado com permanência de condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios rurais.

A ANPC recomenda a necessidade de todos adequarem os comportamentos e atitudes face à situação de perigo de incêndios rurais, nomeadamente com a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução, observando as proibições em vigor e tomando especial atenção à evolução do perigo de incêndio para os próximos dias, disponível junto dos sítios da internet da ANPC e do IPMA, junto dos Gabinetes Técnicos Florestais das Câmaras Municipais e dos Corpos de Bombeiros.

Leia na integra o comunicado da ANPC AQUI.